Mãedonna, Mãerylin, mãe-tudo

Tá aqui na minha agenda imaginária: “escrever post sobre mamãe”. Dia das mães, Boticário everywhere, claro que eu vou ter que escrever sobre mamãe. E, pófalar?, é muito difícil. Até uma carta suicida deve ser mais fácil, claro!, porque afinal de contas, ninguém vai te criticar depois, falar que aquela vírgula ‘tava no lugar errado, que “jorrar” tem dois érres. Claro. Um bilhete de amor também não sofre críticas: qualquer coisa que rime e tenha is com pingos em forma de coração vai ser bem-aceita pela sociedade. Mas escrever sobre a mãe, e ainda no próprio blog!, ah, é de uma dificuldade ímpar.

Minha mãe é única e igual a todas. Brava, calma, doce, amarga, só muda o endereço e, às vezes, o nome: quantas Claras Helenas você conhece? Ok, há mais diferenças: enquanto o mundo inteiro está satisfeito com seus olhos castanhos, dona Clarinha ostenta um par cor-de-mel único, exclusivo, feito à mão, sabe-se lá por qual mão.

Filha, mãe, quer ser avó logo (e quanto a isso, nada mais comento). Até teria idade – e filhas com idade supostamente suficiente – pra isso, mas seu sorriso e espírito juvenis não denunciam. Mamãe é simpática com todos, mas guarda alguns sorrisos pra ocasiões especiais. Também separa algumas broncas mais caprichadas, caprichadas meeesmo, pra hora do vâmo-vê. Ninguém disse que ter três meninas ia ser fácil, dona Clarinha.

Mas ela segue mesmo assim. Preocupada, nervosa, amada, fofa. Ainda se vê pedacinhos daquela moça bonita e sorridente do dia do seu casamento, os dentes retinhos separados por uma fresta à lá Madonna, ou da menininha que subiu na mesa e fingiu que era Marilyn. O cabelo ondula menos e anda mais branco, ela não veste mais 36, não faz hipismo nem sobe em mesas. As voltas que a vida dá.

Mas os olhos continuam lá, cor-de-mel, únicos, iguais mas diferentes. E, ah!, a frestinha dos dentes também existe. Acho que vou lá cantar “Ray of Light” pra ela. De novo.

Anúncios

8 comentários a “Mãedonna, Mãerylin, mãe-tudo

  1. “Mamãe é simpática com todos”

    e bota simpática nisso.

    E nos alimenta, nham nham =9

    se eu tivesse ficado aí na sua casa eu teria engordado uns 3 kg, de tanta comida gostosa que sua mãe oferece… (e do meu olho gordo e espírito de gordinha, mas eu abstraio essas partes).

    manda um beijo pra ela, falando nisso…

  2. AHhhhh que gracinha de post!!!! Mãe é tudo de bom né??? E tudo igual tb huahuahuahua
    liga milhões de vezes quando a gente sai… da aquele apertão no braço super discreto e dolorido quando a gente faz coisa feia em público….
    E quanto aos olhos… a minha tem verdes… e a pergunta que não quer calar é: porque meu olho é castanho????
    i.i
    gente A do papai e gene a da mamae da nisso…
    =***

  3. Quero escrever igualzinho você se eu crescer! Não tem louco que vá criticar um texto tão amável, envolvente e tão… filho!
    Amei, beijos pra dona Clara Helena!

    Pena não ter ido na virada, mas tem segundo ato do TM chegando… em junho no tradicional-super-quente-e-cheio espaço das américas. ^^

    Beijo

  4. Mãe é mãe. Nem precisa explicar. (:
    Mais o mais engraçado de tudo é como toda praga de mãe pega, já reparou?
    -“Filha, leva a sombrinha pq vai chuver” (lá fora um sol escaldante)
    -Não mãe precisa disso não.
    Ai pode ter certeza que depois disso vai cair o maior dilúvio.
    O tal do “filha leva um casaco” também sempre pega.
    Mas o que seria de nós sem essas mulheres incríveis né?!

    Ah! E quando eu for a São Paulo de novo quero conhecer a sua mãe viu?! =)

  5. Pingback: Fantasmas, pianos, CDs e um tio Patinhas que não tem nada a ver com a história « Desiluminância!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s