Delícias de ser nerd – parte 244

Oi, hoje eu decidi que esse blog tá muito pouco interativo. Resolvi mudar. Vai lá pegar suas calças de pijama, seu bom humor, um radinho a pilha e a tesoura sem ponta, para não preocupar papai e mamãe, que eu vou te ensinar a dançar.😀 Isso, eu. Euzinha, eu, oi, eu! Não, não vai embora ainda, fiiica. Paquê virada cultural se você pode muuuito bem se virar culturalmente sozinho, no conforto do lar? Sentaê e vem aprender English Country Dance com a gente! [/Eliana]

Sabe o que é English Country Dance? Não? Então primeiro, calma, que eu preciso de apresentar outras coisas, digo, pessoas, sons e fatos. Primeiro, digam oi pra Jane Austen. Não sejam rudes, ela é bacana e inglesa e a franja dela parece com a minha num bad, very bad hair day.

 

Ooooi Jaaane!

 

Ok. A Jane é bacanuda. Escreveu mil livros sobre a época em que ela vivia, um negócio simpático mesmo, porque eram pooucas mulheres que faziam isso, ainda mais as que escreviam bem bem como ela! Você já deve ter topado com a Jane por aí, e sabe por que, sabe por queeeeê? Porque todo ator britânico bonitinho e/ou carrancudo já fez algum filme inspirado em livros dela, tipo Hugh Grant (UHUM!), Colin Firth (típico), o Mr. Darcy bonitinho de “Orgulho e Preconceito” Matthew Macfadyen… e Alan Rickman. Hihi.

Aah, reconheceu “Orgulho e Preconceito”? Bom! “Razão e Sensibilidade” (é, gosta dum nome composto, sim) e “Emma”, por exemplo, também são inspirados nos livros dela. Filmes liundos maravilhounsos, daqueles que ganham prêmio de melhor figurino e fotografia, saca? Então. E as histórias, well, eram realmente poucas pessoas que narravam a sociedade do mesmo jeito que a Jane, toda corajosa e pá.

Em boa parte de suas obras – ok, o que eu  vi, pelo menos -, ela menciona grandes bailes promovidos por ricaços ou nobres. A idéia dos pais da época era justamente despachar a filharada pra casar, e nesses bailes as pessoas se conheciam, dançavam juntzinhas, às vezes até conversavam!, e arranjavam partidões igualzim às baladas de hoje em dia. O English Country Dance, que eu mencionei lá no comecinho do post, é o tipo de dança que rolava nesses bailes e que agora você vai aprender em simples, siiiimples passos.

Primeiro bota a música aê DJ e veja esse videozinho que, não à toa, foi feito por uns amigos meus, porque nós somos neeerds, neeerds, neeeerds, nós somos neeerds do exército da web daqui nem um mês vai ter baile de máscaras e, well, a gente vai dançar English Country Dance. =)

 

 

Quando o ritmo já estiver em você, começa a decoreba. O esquema é assim ó, totalmente testado e aprovado por mim e por outras três personalidades minhas, que adoramos treinar quando ninguém tá vendo:

Apresentação – ombrinho&olhadinha sécsee quero ser seu par – brinde ca galera – vejo tudo girar depois do brinde ca galera.

Facim, né? É só pensar que os carinhas tão se conhecendo. Aí vem mais desafios.

Troca 1º par, troca 2º par e todo mundo gira feliz pro lugar onde tava.

É a busca pelo kosmos, saca. Status quo na veia.

1º casal passeia, depois todos sepegandinho. 2º casal, todos sepegandinho de novo e joga os cabelos sécsee pra trás no final.

O casalzinho já tá com muito mais intimidade e com medinho de se separar. Ah, o amor se manifestando.

Pula vai, pula volta. Palma coamiguinha, gira gira, palma coparzinho, gira gira.

Segura essa, Keira Knightley.

Troca com o par, troca com a amiguinha, e todo mundo gira feliz porque, enfim, acabou.

Podem cortar a parte do “apaga isso e filma dinov” porque ela não tá inclusa no pacote, ok? Agora é só chamar seus três amiguinhos prediletos e cair nanight! Com o diferencial de que ninguém vai dançar que nem vocês, ninguém vai tirar os olhos de vocês e ainda por cima vão perguntar o que vocês estão fazendo com um puxa ar de interesse e medo.

Foi um sábado interessante no Ibirapuera.

10 thoughts on “Delícias de ser nerd – parte 244

  1. ahhh que legal!
    A Jane é su´pimpa mesmo neh :}
    e olha, gostei, acho q vou chamar tres amicos e treinar pra gnt dançar na próxima balada ae😀
    hahaha

    :*

  2. meo deeeeeeeeeeeeeos!
    quem disse que os nerds só ficam em frente do computador e são anti-sociais, não é? eles também se divertem, inventam danças de damas de um milhão de anos atrás antes de Cristo e Raul Seixas…
    Vê só. E ainda botam no youtube e escrevem a história no blog!

  3. era pra isso que você e tamy queriam me levar?

    Caaaara, imagina se eu sei isso sábado e fico dançando feliz e contente ao som de Beatles?!

    Tuuuuudo a ver, não?

    =* créu

  4. SHUAHUAAHU Amei o post!
    To tipo super sem inspiração pra comentarQ, só resolvi deixar minha marquinha por aqui no caminho pro ensaio de Country Dance😉 [?]
    Beijão, Cláu!

  5. Huahuahua

    quanto tempo eu não passava aqui!
    Negligência minha? Yeah… Sorry a sinceridade hehehe…
    Mas tenho chegado tão cansado da facul que nem postar no meu blog tenho postado com veemência! hehehe

    Mas enfim, o bom blogueiro ao blog volta! (isso te lembra algum ditado popular?)
    Ok, eu mudei, até porque vivemos no mundo cibernético, certo?

    Mas não podia deixar de prestigiar a English Country Dance!
    Muito bom o vídeo, viu? hehe

    Não conhecia o estilo, mas acho que realmente dançar isso numa boate nos dias de hoje chamaria todas as atenções hahaha

    Beijos mil…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s