Esse meu mundinho só meu (ou não!)

Vamos à declaração bombástica da semana. Agüenta, coração! [/domingo não-legal] Segurem-se nas poltronas, apertem os olhos, abram os ouvidos, façam três flexões à luz do luar e dêem um pulinho!, porque a declaração vai ser boa.

Lá vai. É boa mesmo. Sérião.

Eu acredito em mágica.

Não, calma, oi. Não vai embora assim. Não é porque eu faço cosplay (opa, contei) que a minha palavra em relação a mágicas e coisas assim não valha nada. Eu tenho uma varinha, ok, mas todo mundo sabe que dá pra fazer bom e mau uso dela. Hã, peraí que eu já desvirtuei todo o tema e botei duplo sentido até onde não devia ter botado nada. Ahn… deixa pra lá.

Acontece que, ó, vamos por partes? Eu tenho meu mundinho, certo? Meu mundinho, colorido, vibrante, Tim Burton everywhere. E gosto muito dele, ainda mais aos domingos (especialmente nos que mamãe não pede pizza). Até aí, beleza. Claro que esse mundinho não é só meu; são tantos os amigos que têm uma casinha por lá – aliás, suspeito que meu mundinho seja só um país pequerrucho, parte de um grande mundinho lindão.

Até uns monstros azuis teimam em aparecer de vez em quando, e são bem-vindos. Um mundinho (ou paísinho) não cresce só com boas intenções de todas as partes. Não ia ter ação dramática, saca? Nem turning points. Os peixes, contudo, estão garantidos, ainda mais em dias especiais como hoje.

(Liga não, foi um parágrafo dedicado àquelas pessoas que dizem que eu não dedico mais parágrafos a elas. A não ser que você seja uma dessas pessoas: nesse caso, ligue sim. :D)

Acontece que alguém entrou nesse mundinho. Aham. Alguém que eu não sabia que tinha entrado. Não que precise de permissão para isso, mas… entrou. E externou. Botou no mundo. Dum jeito lindo, mágico, poético, que eu não esperava. Aliás, nenhum dos cidadãos do tal mundinho esperava uma versão tão doce (e loucamente colorida!) dele.

E eu acredito em mágica viiiu como o começo do post tem lógica? justamente por isso: não é normal que alguém consiga entender tão perfeitamente aquilo que é trágico e maravilhoso – como a vida -, mas é ainda mais anormal encontrar isso na televisão. No horário nobre aquilo que a gente quer, sentir e experimentar todo dia.

Meu mundinho estréia hoje, na Warner, às 21 horas, e atende pelo nome de Pushing Daisies.

 


Não compara com Amélie, todo mundo já o fez. Mas não é igualzim?? *-*v

11 thoughts on “Esse meu mundinho só meu (ou não!)

  1. aaaaah *-*
    eu já coloquei no meu celular pra despertar as 9 horas @_@
    e o Ned é LINDO! :~
    aiai, lá vou eu me apaixonar mais uma vez😡

  2. Sim, liguei.

    E, sim, você deveria ter dito que fui eu que te apresentei e enchi o saco malucamente para assistir! Ok, já fico feliz por vc virar fã. hahahaha

    Viu, viu, pq eu falava tanto?!?!?! Tem como não falar?!?!?!?!?! E não é melhor qdo vc não vê comerciais antes e não sabe da história e dá oitenta gritos diferentes nos primeiros cinco minutos de série?!?!!

    Hj o Brasil todo – ou a porção dele q tem TV paga – poderá conhecer esse mundo tão maluco, lindão e, como vc diz, completamente “oun”, apesar de bastante sombrio (você vai ver nos episódios seguintes…).

  3. Oi.

    Primeiro, eu não reclamei. Mas ah, gostei do parágrafo que nem era pra mim mas me atingiu🙂
    Segundo, eu acredito em mágica. Seeeempre acreditei. Especialmente nos áureos tempos de Sakura Card Captors *-*
    Terceiro, se eu parar pra ver uma série na TV acho que eu não faço mais nada da vida.
    Quarto, eu posteeeeeeeeei. =D

  4. Ai esses monstros azuis… tiram o brilho cor-de-rosa das coisas né???
    E eu nao tenho tv a cabo aqui em ribeirão i.i
    Mas isso nao me impede de acreditar em magica!!! Porque sabe… tem tanta coisa que se não é magica eu acho que nao tem explicação né???
    bjobj clauclau

  5. Pushing Daisies?
    é liindo, lindo. Parei de ver no ep. 6, mas juro que vou continuar *-*
    e o seu mundinho, ou paisinho, parece ser a coisa mais algodão doce do mundo😀

    beijãão

  6. Meu Deus, você se superou nas maluquices hoje…
    Vou ser obrigada a mandar um e-mail pro meu namorado falando do tal seriado, afinal, as minhas amigas, não sei porquê, são todas almas-gêmeas dele!
    Tão esquisitas quanto…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s